• 8 de março: igualdade de gênero em uma empresa de mulheres

    8 mar 2017
  • Há umas duas semanas o cronograma me fez um alerta: o dia internacional da mulher estava se aproximando! Sabia da importância do tema e queria muito falar sobre, mas por onde começar? Foi aí que a mais simples das ideias surgiu: por que não falar do nosso dia a dia no escritório? Por que não compartilhar um pouco sobre a rotina de uma empresa criada, gerida e vivida por mulheres?

    We can do it

    Aqui no Grupo DMRH, do qual a Cia de Talentos faz parte, temos 6 sócias: Sofia, Maíra, Carla, Paula, Adriana e Lara (siiiiiim, todas mulheres!). Temos também muitas gerentes, consultoras e coordenadoras. Ver tantas mulheres no comando é motivo de orgulho para nós e inspira quem chega. Felizmente podemos dizer que aqui a liderança feminina não é um tabu e sim algo natural!

    Ambiente feminino e acolhedor

    Basta andar um pouco pelo escritório para perceber o ambiente feminino: manicures que circulam no nosso espaço, e-mails dizendo que podemos agendar nosso horário com a massagista ou com a designer de sobrancelhas durante o expediente, tudo é realmente muito pensado para nós mulheres. Mesmo com tanto trabalho nos sentimos em casa!

    Ser mãe e profissional

    O tema da maternidade é algo muito presente aqui no grupo. Dos quase 200 funcionários, 90% são mulheres. Em média temos quase 5 nascimentos por ano, pelo menos! Mas se engana quem pensa que a multiplicidade de papéis não gera angústia por aqui também: muitas das nossas mães e profissionais preocupam-se se estão dedicando o tempo que deveriam aos filhos, por exemplo.

    A diferença é que aqui há um acolhimento e entendimento dos desafios vividos pelas mães que trabalham. Temos modelos de trabalho distintos na empresa, alguns mais flexíveis outros um pouco menos. Mas independentemente do cargo ou do tipo de contrato, as mães (e pais) não são julgadas por saírem mais cedo para buscar seus filhos na escola ou por chegarem mais tarde porque precisaram acompanhá-los no pediatra.

    Escritório não é lugar de criança?

    Não é raro vermos uma criança ou outra circulando pelo escritório de vez em quando. Às vezes acontece de as mães não terem com quem deixá-la ou de a escola estar fechada, não é? Nesses casos é comum as mães virem trabalhar com seus filhos. No fim do ano passado, com o início das férias escolares por exemplo, o nosso escritório ficou animado (rs).

    O caminho ainda é longo

    O fato de o Grupo DMRH ser uma empresa formada principalmente por mulheres faz com que muitos tabus não tenham relevância aqui dentro. No entanto, isso não nos isenta da preocupação com o tema. Pelo contrário, temos o papel de continuar mostrando ao mercado que é perfeitamente possível uma empresa ser competitiva e entregar resultados sendo gerida por mulheres. E que as crianças sejam sempre bem-vindas!

     

    Por Jéssica Rodrigues, Analista de Marketing Digital na Cia de Talentos

    Contribuições:

    Marina Brito, analista de Recursos Humanos do Grupo DMRH

    Milie Haji, Gerente de Projetos na Cia de Talentos

     

     

  • Compartilhe:
    Tags: